Medicamento para intubação pode faltar em 20 dias e associações pedem socorro a Anvisa

Medicamento para intubação pode faltar em 20 dias e associações pedem socorro a Anvisa
18 março 17:51 2021 Imprimir

Com a explosão de casos de Covid-19 no Brasil, o estoque de medicamentos usados para a intubação de pacientes em UTIs pode acabar nos próximos 20 dias. Atentas ao risco de ver a situação da saúde no país agravada pela falta de analgésicos e sedativos, associações que reúnem profissionais de saúde, hospitais e operadoras de planos de saúde vão se reunir com a Anvisa para pedir socorro.

A falta de medicamentos criaria um novo gargalo, uma vez que mesmo com os leitos abertos, sem os remédios seria impossível intubar e tratar pacientes nos hospitais. De acordo com a colunista, a situação se agravou nas últimas horas. Médicos de São Paulo ouvidos sob a condição de anonimato relataram que a situação é grave e que já começam a faltar insumos.

A reunião deve acontecer no fim da tarde desta quinta-feira (18). O objetivo é pedir a ajuda da Anvisa na articulação com a indústria nacional para aumentar a produção dos insumos necessários para cuidar de pacientes. Outra opção seria a agência facilitar a importação dos produtos para repor os estoques que estão perto do fim.  Informação é da colunista Mônica Bergamo, da Folha.

  Matéria marcada como:
  Editorias: