Lei ‘Marília Mendonça’ que obriga sinalização de torres de energia é aprovada em comissão no Senado

Lei ‘Marília Mendonça’ que obriga sinalização de torres de energia é aprovada em comissão no Senado
01 dezembro 12:54 2021 Imprimir

Após morrer em um acidente de avião, Marília Mendonça dá nome ao projeto de lei 4.009/2021, criado para evitar novas tragédias aéreas.

Nesta terça-feira, 30/11, a PL criada pelo senador Telmário Mota (Pros-RR) foi aprovada pela Comissão de Infraestrutura (CI). Ela visa tornar obrigatórios os critérios para sinalização de linhas aéreas de transmissão de energia elétrica. Assim, as empresas deverão sinalizar de foma mais clara as torres e fios em áreas de aeroporto.

Isso porque, no dia 5 de novembro, o avião em que a cantora e outras quatro pessoas estavam bateu em cabos de energia pouco antes do pouso no aeroporto de Caratinga (MG). Recentemente, o laudo do IML apontou que a morte de todos a bordo aconteceu em decorrência de um politraumatismo contuso, devido o choque da aeronave com o solo.

Segundo o site oficial do Senado, o projeto recebeu parecer favorável da senadora Kátia Abreu (PP-TO) e seguirá para análise na Câmara dos Deputados. Inclusive, a parlamentar foi quem apresentou uma emenda para homenagear a cantora, de quem era fã.

Fiquei muito triste com sua morte. Eu e toda a minha família, em especial meu filho Iratã, que mora em Goiânia e é um fã ardoroso de Marília Mendonça e até com certa proximidade. O acidente foi uma fatalidade? Sem dúvida. Mas uma fatalidade que poderia ter sido evitada. Essa lei que votamos aqui pode evitar novos choques de aeronaves“, explicou ela por fim.

  Matéria marcada como:
  Editorias: